Pequeno almoço antes do treino!

jpacheco

Well-Known Member
O meu pequeno almoço também é sempre o mesmo quer vá andar ou não. Batido de frutas com metade leite magro metade iogurte natural açucarado mais cereais e pitada mueslei, uma torrada de pao centeio escuro + café . Realmente noto diferença se os meus colegas começarem logo abrir, mas nada como um arroto ou dois e a coisa vai ao sítio..

Não será o pequeno almoço ideal para sair de casa passados 20 a 30minutos mas é o que a casa gasta.

@rcasimoes o que fazes a outra meia banana que sobra? Compra da madeira ou dos Açores mais pequenas e assim podes comer 1 inteira.

Essa questão dos timings e das quantidades a ingerir antes das actividades assim como a hidratação são muito importantes bom imput @rcasimoes !
 

cenazia

Well-Known Member
O meu timing de largada de peso e sempre apos a aveia, talvez por isso a quantidade de aveia não seja tao agressiva.

De qualquer maneira ainda agora estive a ver quanto metia realmente de aveia e serão na realidade umas 80/100g, é o que dá não medir quantidades :oops:
 
O meu peq almoço "normal" varia... Desde saladas, a fruta, a iogurte grego... Há sempre proteína, fibra e hidratos.
Contudo, em dias de treino comecei a optar por pão com marmelada, e tem resultado.
 
Boas malta,
Sei que este post está um bocadinho parado mas vou ver se o ressuscito eheh.
O que gostaria de saber, é de como funciona na integra o vosso sistema digestivo? :p
Depois do pequeno-almoço( entre as clássicas papas de aveia, fatias de pão, iorgurtes,etc) e entre ir dar as maravilhosas voltas, costumam regular as vossas necessidades fisiológicas ou tendem as vossas voltas a serem interrompidas por tais necessidades?
Já agora, para quem baseia-se mais num pequeno-almoço sem incluir lacticínios, que tempo médio tomam o vosso pequeno-almoço antes de irem pedalar?
 

cou7inho

Well-Known Member
Boas malta,
Sei que este post está um bocadinho parado mas vou ver se o ressuscito eheh.
O que gostaria de saber, é de como funciona na integra o vosso sistema digestivo? :p
Depois do pequeno-almoço( entre as clássicas papas de aveia, fatias de pão, iorgurtes,etc) e entre ir dar as maravilhosas voltas, costumam regular as vossas necessidades fisiológicas ou tendem as vossas voltas a serem interrompidas por tais necessidades?
Já agora, para quem baseia-se mais num pequeno-almoço sem incluir lacticínios, que tempo médio tomam o vosso pequeno-almoço antes de irem pedalar?
Não costumo sofrer de problemas desses nas voltas,
Antes costumava beber leite achocolatado antes das voltas, mas começou a causar-me algum desconforto.
Ultimamente costumo comer umas torradas + 2/3 bolachas aleatórias + 1 compal ou um chazito. Por vezes faço umas panquecas e acompanho-as com um pouco de mel.
Quanto à ultima questão costumo levantar-me de manha, tomar o pequeno almoço e depois vou me preparar, ou seja, 10 ou 15 mins entre acabar o pequeno almoço e estar a sair de casa.
No entanto, devo ser sincero, muitas vezes nem sei o que comer porque não consigo encontrar um "pequeno almoço" perfeito para antes das voltas.
 

jpacheco

Well-Known Member
Boas malta,
Sei que este post está um bocadinho parado mas vou ver se o ressuscito eheh.
O que gostaria de saber, é de como funciona na integra o vosso sistema digestivo? :p
Depois do pequeno-almoço( entre as clássicas papas de aveia, fatias de pão, iorgurtes,etc) e entre ir dar as maravilhosas voltas, costumam regular as vossas necessidades fisiológicas ou tendem as vossas voltas a serem interrompidas por tais necessidades?
Já agora, para quem baseia-se mais num pequeno-almoço sem incluir lacticínios, que tempo médio tomam o vosso pequeno-almoço antes de irem pedalar?
Fisiológicas tem de se parar... se for um xixi para-se em qq sitio que isto nao é uma corrida. Já a caca felizmente o meu estomago tem aguentado sem set necessario. Mas mas cuidado com o geis, e com experimentar geis novos eu como ando agua e umas barras de cereais do hipermercado nao tenho tido problemas. Mas houve uma altura que andava a exeperimentar e em que usei um gel numa subida longa e estava a ver que me largava todo... correu bem.
 

gfrmartins

Well-Known Member
Mas além de todas estas informações o mais importante é ver o que funciona para ti, porque uma coisa é o que funciona para a maioria ou o que os "livros" dizem que é o correcto outra coisa é ver o que resulta para ti e o que te faz sentir melhor e com melhores resultados porque é diferente para cada um e em vez de perder tempo em tentar à força fazer algo que resulte em ti é melhor perder tempo em descobrir o que resulta para ti.

Ver o que resulta para a maioria é apenas um ponte de partida, não tenhas medo de testar, e ver o que resulta para ti, o que te faz sentir melhor mas para isso é preciso testar durante os treinos e ir vendo
 

Carolina

Well-Known Member
Se tens alguma coisa que te está a causar problemas é excluir um dos alimentos de cada vez. Numa semana não bebes leite, na semana seguinte repões o leite, mas tiras a aveia, e por aí adiante. Assim consegues identificar o que te causa problemas.

Eu tive de optar por leite sem lactose ou então aquelas bebidas de aveia ou amêndoa. O leite normal dá-me a volta ao estômago.
 

cconst

Well-Known Member
Eu entendo o porquê desta questão do @Richrad . Eu sou muito regular. Ao ponto de ter que "ir" todos os dias sensivelmente à mesma hora, embora caso esteja a dormir não aconteça mais nesse dia.

Por isso é uma questão para mim nos domingos (dias em que saio de casa mais cedo para pedalar). Tento comer com calma antes de me vestir. Não invento nos pequenos almoços, mas tipicamente é o que houver (tipicamente pão com qualquer coisa e iogurte). Depois ao preparar-me (vestir-me, nutrição e hidratação) normalmente tenho que ir largar lastro. Caso não se proporcione voluntáriamente, sento-me no trono a consultar o forum e faces...

Já agora, para quem baseia-se mais num pequeno-almoço sem incluir lacticínios, que tempo médio tomam o vosso pequeno-almoço antes de irem pedalar?
No meu caso: se for durante a semana quando vou para o trainer, como tendem a ser treinos intensos de 1h ou pouco mais, vou em jejum. Para as longas não tomo qualquer cuidado adicional já que o ritmo é mais fofinho e não me causa mal-estar na volta.
 

Bruso

Well-Known Member
@Carolina
pergunta para ti que andas sempre bem informada no aspecto da nutrição. Há alguma ligação entre intolerância/desconforto causado pela lactose e a prática do ciclismo/desporto? Pergunto isto porque conheço imensos pedalantes que começaram a não se dar bem com a lactose. Eu já deixei de beber leite há uns 5 anos (curiosamente quando comecei a me dedicar ao ciclismo).

@Richrad
Em relação à tua pergunta, ao nível de necessidades fisiológicas, o ideal é haver uma rotina estilo o que o Cconst disse.
Eu tento comer sempre pelo menos 1h antes de sair de casa, mas desde que não comeces full-gas não deverá haver problema.
 
@Carolina
pergunta para ti que andas sempre bem informada no aspecto da nutrição. Há alguma ligação entre intolerância/desconforto causado pela lactose e a prática do ciclismo/desporto? Pergunto isto porque conheço imensos pedalantes que começaram a não se dar bem com a lactose. Eu já deixei de beber leite há uns 5 anos (curiosamente quando comecei a me dedicar ao ciclismo).

@Richrad
Em relação à tua pergunta, ao nível de necessidades fisiológicas, o ideal é haver uma rotina estilo o que o Cconst disse.
Eu tento comer sempre pelo menos 1h antes de sair de casa, mas desde que não comeces full-gas não deverá haver problema.

Curiosamente, fiz há cerca de 1 semana o teste de intolerância á lactose e acusou positivo, no entanto, a busca em torno de intolerâncias continuam, para este lado.
Como a @Carolina disse tens de ir testando, uma semana pode ser curto para alguns alimentos, mas é um princípio. Ah e regista o que comes e como te sentes.
 

Carolina

Well-Known Member
@Carolina
pergunta para ti que andas sempre bem informada no aspecto da nutrição. Há alguma ligação entre intolerância/desconforto causado pela lactose e a prática do ciclismo/desporto? Pergunto isto porque conheço imensos pedalantes que começaram a não se dar bem com a lactose. Eu já deixei de beber leite há uns 5 anos (curiosamente quando comecei a me dedicar ao ciclismo).
Que eu saiba não há ligação nenhuma.

Nem acho que seja um problema da lactose em si, porque eu continuo a comer iogurte ao pequeno almoço e ao lanche. Acho que é só o facto do leite normal ser de mais difícil digestão. O iogurte como já passou por um processo de fermentação não provoca tantos problemas. O mesmo para o leite sem lactose, passa por um processo de filtração extra.

O mais provável era essas pessoas já terem problemas antes, mas como na altura não iam fazer exercício a seguir não ligavam a isso. Se calhar até associavam a outra coisa qualquer ou achavam que era normal. As pessoas começam a dar mais atenção ao que comem quando começam a fazer exercício.
 

Bruso

Well-Known Member
Que eu saiba não há ligação nenhuma.

Nem acho que seja um problema da lactose em si, porque eu continuo a comer iogurte ao pequeno almoço e ao lanche. Acho que é só o facto do leite normal ser de mais difícil digestão. O iogurte como já passou por um processo de fermentação não provoca tantos problemas. O mesmo para o leite sem lactose, passa por um processo de filtração extra.

O mais provável era essas pessoas já terem problemas antes, mas como na altura não iam fazer exercício a seguir não ligavam a isso. Se calhar até associavam a outra coisa qualquer ou achavam que era normal. As pessoas começam a dar mais atenção ao que comem quando começam a fazer exercício.
Faz sentido.
 

jpacheco

Well-Known Member
@Carolina
pergunta para ti que andas sempre bem informada no aspecto da nutrição. Há alguma ligação entre intolerância/desconforto causado pela lactose e a prática do ciclismo/desporto? Pergunto isto porque conheço imensos pedalantes que começaram a não se dar bem com a lactose. Eu já deixei de beber leite há uns 5 anos (curiosamente quando comecei a me dedicar ao ciclismo).
A intolerância á lactose pode ter várias níveis. Até aos 4 anos produzimos imensa lactase no intestino, enzima digamos, responsável por dividir a lactose. Com o avançar da idade vamos começando a produzir menos dessa enzima e podemos ter algumas intolerâncias a a níveis elevados de lactose. Por isso é variável e induvídual.

Os iogurtes mencionados em cima, têm uma série de bactérias que ajudam o nosso organismo a criar a lactase, daí o iogurte ajudar no processo digestivo da lactose. Tem sido com este "saber" que tenho feito a mistura de iogurte com leite nos meus batidos.