Power Meter

zorza

Well-Known Member
#1
Boas noites a todos.
Ando a pensar em comprar uma coisa destas..

Acredito que faça médio/longo prazo uma diferença muito grande no treino e na evolução de cada um.

Como já pedalo há uns 5 anitos, e continuo a adorar, sei que não me vou fartar tão cedo, pelo que, pelo menos para mim não é uma moda, e como tal, valerá a pena o investimento, que apesar de significativo, não afeta em nada a vida familiar ou a comida na mesa, que é o que realmente me interessa em que tudo esteja bem.

Assim sendo, estou comprador de um power meter. Depois de ler muita coisa, as reviews do DCrainmaker e bikeradar, etc, cheguei aqui a uma escolha que me parece correta e equilibrada.

Penso num stages, que apesar de ler apenas a perna esquerda, penso que será equilibrado na relação preço / qualidade.


Gostaria de ouvir a opinião de outros users, se possível e que me ajudem a escolher da melhor forma. Como é sem dúvida um investimento para alguns anos, posso sempre ir um pouco mais além no valor, mas, dado que sou amador, sei que com a idade que tenho, não vou ganhar corridas nem brilhar no mundo do ciclismo, tenho de manter os pés no chão e comprar algo que me ajude a treinar e a pedalar melhor, e não algo que tenho só porque a equipa XPTO do World Tour tem e isso faz de mim melhor ciclista.

Zorza
 
#2
Certamente que haverá muitas opiniões sobre esse assunto. Uma coisa é certa, é uma ferramenta que está na secção do essencial.

Continuando,meu comprei uns bepro é apenas posso dizer maravilhas. Pesquisa e vê reviews dos mesmos.

Parabéns pela opção de compra, sem dúvida que irás sair beneficiado.

Abraço.
 
#3
O "problema" dos power meters baseados em cranks é ficares "agarrado" à pedaleira. Se apenas tens uma bicicleta de estrada e se essa for "a tal", isto é, não estás a pensar trocar no futuro, então isso deixa de ser um "problema".

Chegaste a considerar power meters baseados em pedais? Garmin Vector, bePRO, PowerTap P1?
 

zorza

Well-Known Member
#5
Na realidade não vi muita coisa dos pedais, mas tenho a ideia - talvez errada - de que são muito mais caros.

A bicicleta de estrada que tenho - uma carrera - devo ficar com ela por uns bons anos. Gostos das linhas, do conforto e não vejo nesta altura razão para trocar. Além de que sendo toda ultegra, não sinto necessidade também de mudar para dura ace, pelo que por aqui devo ficar tranquilo.
Tenho uma de BTT, mas nesta, os powermeters de pedais também não darão resultado para trocar entre elas..

Sinto (e sei ) que estou muito confuso e o problema às vezes é nem saber bem por onde começar. Não haverá concerteza um que seja melhor do que todos e que sirva melhor para tudo, mas queria tentar encontrar um equilibrio, que para mim, fosse o melhor!

Zorza
 

pratoni

Well-Known Member
#6
Quando falas dos pedias Garmin és capaz de ter razão de serem bem mais caros mas agora existe a versão em que lê a potência num só lado, à semelhança do Stages.

Mas os pedais bePro são mais baratos que os Garmin. Os powerTap acho que também mas não vou teimar...

Volta lá a ler as reviews e guias do dcrainmaker nestes produtos... ;)
 
#7
Quando falas dos pedias Garmin és capaz de ter razão de serem bem mais caros mas agora existe a versão em que lê a potência num só lado, à semelhança do Stages.

Mas os pedais bePro são mais baratos que os Garmin. Os powerTap acho que também mas não vou teimar...

Volta lá a ler as reviews e guias do dcrainmaker nestes produtos... ;)
Os pedais powerTap são muito, muito mais caros.
 
#9
Pois, como não fui verificar e disse de memória disse que não teimava...
Claro meu caro, mas assim o user não se...assusta lol. Se são bons? Pelo que ouço e leio são fabulosos. Se consegues o mesmo (power meter) por mais barato, não duvidem.
Aliás porque esta temática tem muito que se diga. Sou acérrimo crítico dos valores e do monopólio dos PM.

PS: a título de informação, powerTap (pedais) 1200€ números redondos.
 

Wawando

Well-Known Member
#10
Os bepro sao porreiros e fiaveis (que é o mais importante ou seja esforço x lêm sempre y watts), 4 amigos com que costumo andar têm e até agora (uns meses porque sao recentes) sem problemas. Têm o bonus de lerem mais uns watts (não é problema nenhum porque sao valores repetiveis e enche o ego) que stages, power2max, powertap e srm.
Bepro single side custa 500eur. Seria o que eu comprava boje em dia. O stages tem bluetooth que é porreiro para quem utiliza a app do telefone, tirando isso n vejo desvantagem nenhuma no bepro.
 
#13
Os bepro sao porreiros e fiaveis (que é o mais importante ou seja esforço x lêm sempre y watts), 4 amigos com que costumo andar têm e até agora (uns meses porque sao recentes) sem problemas. Têm o bonus de lerem mais uns watts (não é problema nenhum porque sao valores repetiveis e enche o ego) que stages, power2max, powertap e srm.
Bepro single side custa 500eur. Seria o que eu comprava boje em dia. O stages tem bluetooth que é porreiro para quem utiliza a app do telefone, tirando isso n vejo desvantagem nenhuma no bepro.
E os bepro estão mesmo bem colocados?

Acho estranho esse overread.
 
#16
alguém já experimentou/tem opinião dos rotor INside?
Já experimentei...

Para isso ia para stages...

Passa lá em casa!! Não te esqueças que bom filho à casa torna!! ;) lá falaremos de power meters... quem sabe até te faço um vídeo engraçado... Um dia destes...:)

Grande abraço...
 

Wawando

Well-Known Member
#17
E os bepro estão mesmo bem colocados?

Acho estranho esse overread.
Nao verifiquei mas é uma caracteristica comum. Mas como referi o inportante é ser repetivel e isso acontece.
Um amkgo meu tem o inpower da rotor na bike de btt e está satisfeito (fizemos uma prova de uma semana nas piores condicoes do mundo e zero problemas).
 

lgass

Well-Known Member
#18
Já experimentei...

Para isso ia para stages...

Passa lá em casa!! Não te esqueças que bom filho à casa torna!! ;) lá falaremos de power meters... quem sabe até te faço um vídeo engraçado... Um dia destes...:)

Grande abraço...
os gajos do GCN devem fazer brevemente um vídeo sobre potenciómetros... lança o teu que tenho mais curiosidade :p
 
#19
E os bepro estão mesmo bem colocados?

Acho estranho esse overread.
O DC Rainmaker no review que fez mostra essa "característica". Para medir "pilinhas" ficas melhor servido com os bePRO pois dá uma potência superior mas o que interessa realmente é que esse offset seja sempre constante (e pelos vistos é).


in http://www.dcrainmaker.com/2015/09/favero-depth-review.html

De qualquer maneira, a margem de erro apresentada por quase todos os power meters é de +-2%, o que significa que a diferença de valores entre os vários power meters poderá ser, no máximo, de 4%.
No caso da imagem que coloquei em cima, 4% de 250w são 10w o que bate certo com a diferença que vemos. É como se os outros 2 powermeters estivessem com um erro de -2% e os bePRO com um erro de +2%.
 
#20
O DC Rainmaker no review que fez mostra essa "característica". Para medir "pilinhas" ficas melhor servido com os bePRO pois dá uma potência superior mas o que interessa realmente é que esse offset seja sempre constante (e pelos vistos é).


in http://www.dcrainmaker.com/2015/09/favero-depth-review.html

De qualquer maneira, a margem de erro apresentada por quase todos os power meters é de +-2%, o que significa que a diferença de valores entre os vários power meters poderá ser, no máximo, de 4%.
No caso da imagem que coloquei em cima, 4% de 250w são 10w o que bate certo com a diferença que vemos. É como se os outros 2 powermeters estivessem com um erro de -2% e os bePRO com um erro de +2%.
Explicado e ilustrado.