Barras energéticas

fogueteiro

Moderador
Staff member
#1
Tenho um problema que não consigo me livrar dele. Prende-se com a alimentação durante as minhas saídas. Levo, como muitos de vocês, as tais barras energéticas, ou o gel. O problema é que as barras energéticas põe-me muito maldisposto, e enjoado. Já experimentei várias marcas, mas todas com o mesmo efeito. Últimamente tenho comprado umas que suporto melhor, mas custam 1,50 cada uma, e a minha carteira é pequena. O mais interessante é que já perguntei a outros colegas e a opinião é mais ou menos a mesma. A questão é esta: Que barras utilizam nas vossas saídas?
 

fogueteiro

Moderador
Staff member
#5
Nelson, a brincar que o digas, isso aconteceu este ano. Uma volta muito longa que eu fiz, estava tão farto dessa doçaria toda que entrei num restaurante e comprei uma sande com um bifinho de vitela que me soube pela vida. :D.
Ao outro pessoal que escreveu, eu agradeço, mas já viram levar tudo isso nos bolsos? Eu preferiria as barras que pouco ocupam, mas ainda não encontrei a ideal para mim. Tenho que ir tentando
 
#6
Geralmente compro barras nos supermercados por serem mais baratas. Nunca fiquei enjoado com nenhumas, embora haja alturas que sabia melhor levar fruta, por exemplo. Tens a certeza que são as barras que te deixam assim? Não poderá ser do que comes antes de ir pedalar? Além das barras não há muitas alternativas práticas para transportar nos bolsos do jersey...
 

fogueteiro

Moderador
Staff member
#7
Pois, ainda não descobri. O que como antes de saír não é nada de especial: Muesli e uma laranja. Se como um a coisa ainda vai, mas se eu preciso de comer 2, 3 ou o gel, então está tudo estragado. Últimamente quando calculo que vou precisar de comer mais que uma barra, então levo + dinheiro e prefiro comprar fruta no caminho e comer na hora
 
#9
Há muito tempo que utilizo os produtos da HighFive: bebida isotónica, bebida com carbohidratos, barras de energia (carbohidratos), barras com proteína e gel (sem e com cafeína). Além de que me dou bem com a marca há muitos anos, estas barras têm a vantagem de não derreter com o calor.
Em voltas acima das 3 horas e se tenho espaço no jersey, levo uma banana. Faz milagres.

Mas no que respeita ao enjoo há que testar e não abusar. Por exemplo, o gel serve para um aporte rápido de energia e não para manter os níveis de carbohidratos. Para isso existem as barras. É com o gel que tu enjoas?

O gel é a única coisa que levo quando saio para voltas a rolar até 2,5horas porque o regresso a casa acaba, quase sempre, com 4 km a subir. Mesmo assim, muitas vezes regresso a casa com ele no bolso.

Também não é necessário ingerir mais do que se gasta, nem deixar o "depósito de energia" esvaziar. Se enjoas, é muito provável que estejas a exagerar.

Também deves variar: bebida isotónica na primeira hora, uma barra na 2ª hora, bebida com carbohidratos na 3ª hora, barra com elevado teor em proteína na 4ª hora; voltar à barra na 5ª hora mas com sabor diferente. Um gel para uma "emergência". Claro que o intervalo de tempo entre tomas depende do esforço; mas também não é preciso comer tudo de uma vez.
Não esquecer: a barra (o gel também) deve ser acompanhada de um bidon de água (de preferência lisa, sem açúcares). O enjôo também pode ter a ver com isso.

Ainda a propósito do enjôo, se ele acontece em voltas muito longas (>5 hrs) e em tempo quente, experimenta acrescentar um bocadinho de sódio à água.

Em voltas ou provas muito longas, há outras questões não menos importantes. Mas, por agora, não tenho mais ideias a propósito do enjôo :rolleyes: ...
 
#10
eu utilizo das do supermercado, as do pingo doce são mt boas, alem disso maças e nos bidões cha verde ajuda a manter a hidratação alem de ser mt mais económico.
 

fogueteiro

Moderador
Staff member
#11
ALMN, tocaste num ponto que eu suspeitava, que se prende com o facto de eu comer a barra ou ingerir o gel e beber água ou bebida isotónica sem critérios. Geralmente levo um bidão com água e outro com a bebida isotónica, embora não tenha um critério definido quanto à sua ingestão. Vou testar beber só água após comer a barra. Realmente aceito que ande aqui uma mistura de açucares em exagero. Agradeço a tua explicação pormenorizada. Depois digo alguma coisa
 
Last edited:
#13
Tempos passados ... faz-me lembrar a variadade de engodos , cheiros e afins para a pésca e por vêzes não se apanha nada .
Ou no tempo de Artur Agostinho ... não havia Bike Fit ... Gel´s ... e afins , parece que atestavam com cálice de vinho do Porto ... e era um desportista entre outros .

Vaidades e consumismo sempre a espreitar a carteira .

1 grama de Hidratos : 4 calorias .
1 grama de Gorgura : 9 calorias .

A partir daqui para mais entra o Doping .

Certo que para o desportista médio parece importante avaliar o seu índice glicémico .

Se for alto ... não interessa meter hidratos de alto valor porque depois prejudica ... parece que se leva uma paulada nas costas com a descarga de insulina a compensar o aumento violento do açucar no sangue ...

Se for baixo ... parece importante levar algo nutritivo o que para um desportista médio ... nada é melhor que uma banana ou mesmo o cubo de marmelada .

De resto a recuperaçao deve ser feita na primeira meia hora depois do esforço de forma intensa com hidratos de alto índice ... bebedeira de hidratos e lentamente nas próximas 4 horas com os mesmo hidratos mas de forma fazeada .

No dia seguinte ... pausa ... proibido comer hidratos ... dieta com vegetais e água para hidratar ao máximo .

Nos últimos dois dias : fazer contas á necessidade de calorias para a prova ... além das habituais em média 2000 calorias por dia para viver ... encharcar o que falta em hidratos lentos ... pão e massas ... e pronto :
Dia da prova .... parecem uns aceleras ...
Se pensar em gastar 4000 calorias na prova ... meter mais 2000 em cada dia .

Depois ... o que vier de hora a hora ... será conforme o índice glicémico ... e para regular apenas o valor de açucar no sangue ... porque milagres não existe na hora ou existe , mas isso é outra história .
 
#15
Eu utilizo barras, se for fazer uma volta com mais de 120km ou com muita subida é que levo o gel porque é uma fonte de energia rápida.
Já tentaste levar marmelada aos cubos, massa cozida enrolada em prata, bananas, ect existe variadas coisas.
 
#17
Boas,de solidos levo as barras mais baratas do continente,sim,nao se assustem e vejam bem as tabelas nutricionais nos rotulos,pra ke pagar por uma caixa de 4 barras 3euros e tal,kuando com os mesmos e as vezes bem superiores valores nutricionais......da ke pensar..... e pra beber, água com "redrate",vende-se nas farmacias e sao umas saquetas pra repor os sais minerais essenciais ke se perdem na transpiraçao......pra voltas com mais de 100km,levo uma sandocha,pq chego a um ponto ke os açucares ja nao caeem muito bem.......um abraço