Tamanho correto de bicicleta de estrada

#1
Boa tarde ciclistas,
Tenho uma bike de btt mas faço mais uso dela na estrada do que no monte e estava a pensar comprar algo mais apropriado. A grande duvida que tenho é o tamanho. Meço 1,75 M e tenho cerca de 80 cm de entre pernas. Apesar de saber que ciclistas com o mesmo tamanha podem ter quadros diferentes será que me podiam aconselhar o tamanho correto?
Obrigado e boas pedalas.
 

cou7inho

Well-Known Member
#2
Não te podemos aconselhar um tamanho correto com grandes certezas pelo simples facto de que o um L, por exemplo, na marca X pode ser um M ou um XL na marca Y.
Isto é como a roupa. A letra (M, L ...) pode ser a mesma, mas não significa que duas camisas com o mesmo tamanho e de marcas diferentes te vão servir igualmente.
Posto isto, acho que o melhor é perceberes que tipo de geometria queres (mais "endurece", mais conforto, ou mais "racing", menos conforto e mais performance). Selecionas alguns modelos dentro do teu orçamento e aí sim, já com modelos mais ou menos definidos, fica mais fácil dizer se deves ir para o tamanho A ou B.
 
#4
#14
Faz bikepacking e vais ver se não dá jeito... E são alguma centenas de kms. É melhor isso que ficar com o top tube todo marcado das fitas.
Não sei o que é bike packing :p Mas já fiz perto de 400 km e a bolsa de selim, tamanho micro, foi suficiente.
Claro, se quiseres fazer algo como a N2 em autonomia, por exemplo, acredito que sim que seja mto práctico, agora para voltas de 1 dia é dispensável.
Mas claro, isto vai do gosto de cada um, é uma questão pessoal. Pessoalmente gosto de ser minimalista/funcional e para as minhas votlas não vejo que seja necessário.
 
#15
Não sei o que é bike packing :p Mas já fiz perto de 400 km e a bolsa de selim, tamanho micro, foi suficiente.
Claro, se quiseres fazer algo como a N2 em autonomia, por exemplo, acredito que sim que seja mto práctico, agora para voltas de 1 dia é dispensável.
Mas claro, isto vai do gosto de cada um, é uma questão pessoal. Pessoalmente gosto de ser minimalista/funcional e para as minhas votlas não vejo que seja necessário.
Claro que não é para voltas diárias. Para "treinos" até estorva. Os joelhos tocam lá a pedalar em pé.
Eu gostava de ter porque tenho uma bike para tudo. Se tivesse uma só para "treinos" também não iria querer nela!
 

jpacheco

Well-Known Member
#16
Quase 900€ com claris não é nenhuma pechincha.

A mim, pessoalmente, os parafusos no top tube fazem-me mta comichão.

Exacto. Só pelo grupo valeria a pena... embora acredite que esse claris já seja melhorzito que o que vendiam á 10 anos atrás.

Outra nota é que cube é cube mas uma trek é uma trek, quer isso valha o que valer.

E esses buracos no top tub facilmente preenches com um borracha.
 

MiGuEl_82

Well-Known Member
#17
Quase 900€ com claris não é nenhuma pechincha.

A mim, pessoalmente, os parafusos no top tube fazem-me mta comichão.

Porra, realmente... quase 900 paus por uma bicicleta com Claris de 8v... Honestamente para gastar esse valor ponderaria seriamente esta:

https://www.decathlon.pt/bicicleta-estrada-rc520-id_8502389.html

Não é Trek mas vem claramente mais equipada em termos de transmissão e travões! Fazendo uma analogia com o mercado automóvel, comprar essa Trek seria o mesmo que comprar um BMW Serie 3 mas com tampão, vidros manuais e sem AC :p

Atenção, isto é apenas a minha opinião
 

MiGuEl_82

Well-Known Member
#18
Outra nota é que cube é cube mas uma trek é uma trek, quer isso valha o que valer.
A Trek é uma marca de referência mundial, é um facto, mas em que medida isso se traduz numa qualidade superior na construção dos seus quadros ou na geometria dos mesmos face a outras marcas, e neste caso especifico a Cube?

Como se diz no futebol, as camisolas não ganham jogos.
 

jpacheco

Well-Known Member
#19
A Trek é uma marca de referência mundial, é um facto, mas em que medida isso se traduz numa qualidade superior na construção dos seus quadros ou na geometria dos mesmos face a outras marcas, e neste caso especifico a Cube?

Como se diz no futebol, as camisolas não ganham jogos.
Não faço ideia. Cada um tem a sua tara. Se fosse para mim por ventura também compraria outra marca e com um grupo melhor.

Mas fiquei curioso, gostava de experimentar um claris para poder discordar de mim mesmo :p
 

MiGuEl_82

Well-Known Member
#20
Não faço ideia. Cada um tem a sua tara. Se fosse para mim por ventura também compraria outra marca e com um grupo melhor.

Mas fiquei curioso, gostava de experimentar um claris para poder discordar de mim mesmo :p
Eu tenho Cube tanto na estrada como no BTT mas nem foi por ter um gosto especial pela marca. Esteticamente sempre me agradaram e quando comprei a primeira fininha foi onde consegui a melhor relação preço / componentes. Agora quando optei por trocar, foi na Cube que encontrei novamente a melhor relação. No BTT aproveitei um desconto valente para comprar um quadro Reaction em carbono.

Quando procuro uma bicicleta olho acima de tudo para a estética (tem que me agradar senão nunca vou ficar satisfeito) e para os componentes. A marca acaba por ser secundário uma vez que considero que a maioria das marcas hoje em dia têm quadros de qualidade. Tendo em conta que o meu bolso não dá para comprar o melhor dos carbonos, acabo por tentar sempre conseguir os melhores componentes possíveis (transmissão, travões, etc). Mas há que privilegie o quadro aos componentes e isso é tão legitimo como fazer o inverso ;)