PowerMeter

#42
Mas pensas que estas a falar de um par de pedais da Exustar ou que? lol...

Amigo se algum dia partires um pedal desses, ou Dura Ace por causa de uma queda ou accidente...

grande abraco...
Por acaso os pedais garmin vector são feitos pela exustar pelo que sei.. Estou a referir a desgaste, folgas etc..
 

DMA

Well-Known Member
#43
Depois de anos a namorar e a esperar (que os preços ficassem minimamente suportáveis) e a ponderar (qual seria o mais adaptado à mim), finalmente puxei o gatilho.
Virão uns Garmin Vector2 aqui pro empenado ... agora é a pior parte; esperar uns dias!
 

Wawando

Well-Known Member
#44
Boa, parabéns! Fico feliz quando vejo a malta a querer evoluir e investir num powermeter. Tenho evoluido bastante e atribuo isso a ter o powermeter e utilizá-lo. Se for só para "ver a potencia" é um investimento em vão.
Em relação aos Vector, aconselho vivamente que leiam o artigo do DC sobre o setup dos vector: apertar os pedais como diz no manual e calibração antes de cada volta. Eu faço o mesmo com o Stages e Power2max, mas do que testei fiquei com a ideia que nos Vector é mais importante.
http://www.dcrainmaker.com/2013/09/garmin-vector-review.html
Saliento que na versão 2 dos Vector, o setup já não tem as complicações que o DC refere no artigo, a instalação é mesmo básica :)
 
#45
Depois de anos a namorar e a esperar (que os preços ficassem minimamente suportáveis) e a ponderar (qual seria o mais adaptado à mim), finalmente puxei o gatilho.
Virão uns Garmin Vector2 aqui pro empenado ... agora é a pior parte; esperar uns dias!
Tira folga ao trabalho e em casa para o dia seguinte...;)

Compra uma garrafa de soro..;) hehe...

grande abraco..
 
#46
Por acaso os pedais garmin vector são feitos pela exustar pelo que sei.. Estou a referir a desgaste, folgas etc..
Tens razao...Nao sabia dessa fui verificar e estas certo...

Mesmo assim...Nao te preocupes com esses detalhes... Preocupa-te e com a situacao do funcionamento e qualidade do produto...

O material dos garmin nao e o mesmo material que os exustar de 20 euros... E o mesmo modelo que os de 200 e tal euros...Ou seja equivalente aos dura ace, looks de topo..

grande abraco...
 
#47
Sim acredito Albertosemcotador que sejam bons .. Na minha opinião pessoal não gosto de ver os pod fora do pedal, apesar destes novos serem pretos são mais discretos:)
 

DMA

Well-Known Member
#48
Obrigado colegas pelas respostas :)

@Wawando:

Sim concordo. Um Powermeter sem umas noções de treino fica bastante limitado na sua utilidade. Mas eu sou bastante curiosos e auto-didata e já li livros do Carmichael, do Hunter Allen e do Joe Friel. O "The Cyclist's Training Bible" acho excelente, aconselho vivamente a quem já tem umas bases.
Um dos motivos porque andava a adiar a compra dos Vector era a questão dos pods. Havia muitos relatos de quebras ao trocar de bike. A parte que era comprimida era frágil e tinha tendência a ceder. Com a revisão da forma de suporte dos pods a Garmin resolveu o maior calcanhar de Aquiles do aparelho, ficando o dono mais à vontade para andar a trocar os pedais entre diversas bikes sem medo de rachar os pods. Quando vi isso istantâneamente soube que ia abrir os cordões à bolsa.

@alberto:

É verdade vou comprar mais umas garrafas de soro ... e vou precisar duma massagista! ... eheheh
Mas fora de brincadeira já estou habituado a penar na bike, sou bastante motivado, não acredito que vá apertar muito mais do que já era habitual. Tenho é a chance de ser mais metódico e aplicar melhor os ensimamentos teóricos que já tenho.

Para a malta em geral:

Eu na verdade já treinava com base na leitura de potência. Tenho um Tacx que comprei na Decatlhon por 200 euros que foi o investimento com melhor racio Euros gasto/% de evolução que já fiz.
Não é muito exacto (ou seja tem um desvio razoável do valor real) mas em termos de precisão não será tão mau como isso (no fundo a regularidade das leituras).
Há muita malta a gastar rios de dinheiro para "andar mais" e para evoluir. Está aqui na minha modesta opinião uma pequena joia em termos de potencial para evoluir e sem gastar uma montanha de dinheiro.
Mas o engraçado é que já sugeri isto a muita gente e ninguém liga nenhum ... quadros com menos 100 gr e a custar mais umas centenas de euros "é que vai ser!!".
O problema é que sofre-se como um cão nos treinos à sério ...
 
#49
Boas pessoal do pedal.

Estou mais inclinado para stages e pq? Porque fico com o mesmo peso na bike (pq tiro o sensor cadencia garmin), e porque também gostava de por os pratos spider da cannondale ou seja fico com um pedaleiro +/- 500g com stages..
Os vector S são 100€ mais caro e ligeiramente mais pesado, mas a vantagem de trocar de bike para bike e mais tarde fazer upgrade é uma vantagem..

Mas ainda n esta confirmado a escolha.
 

DMA

Well-Known Member
#55
Do que eu vi num pequeno comparativo ontem o Tacx Flow até que não estava a errar por muito.
Em ritmo constante e sem muita inclinação aplicada estava a medir uns 10-15 w a mais.
Se o Flow marcava 260 w os Vector2 indicavam uns 245-250 w
Com grande resistência aplicada (simulação de subida inclinada) aí o erro é bem maior e a coisa inverte. O Flow estava a marcar bem menos que o valor real.

Mas continuo a dizer que pelo preço o Tacx Flow é um auxiliar de treino fantástico. É uma relação preço/benefício 5 estrelas.
 
#57
Alguém me sabe dizer qual o power meter mais barato que esta no mercado?, ou algum que esteja para sair em breve e que seja realmente barato tendo em conta as outras marcas tipo stage, quarq, rotor etc...
 
#59
Alguém me sabe dizer qual o power meter mais barato que esta no mercado?, ou algum que esteja para sair em breve e que seja realmente barato tendo em conta as outras marcas tipo stage, quarq, rotor etc...
O ideal é esperar para 2016 que é para sairem os que estao preste a sair e arranjarem os problemas e tambem podes beneficiar da queda dos preços(ainda devem descer mais). Nao te metas a correr para os que estao a sair. Se tiveres urgencia compra um dos que ja deram garantias de qualidade.
O 4iiii por exemplo saiu com uma carrada de problemas. Bateria de supostamente 200horas a morrer com 20h, erros de leitura de potencia de 20% e nao se ficou por ai. Aquilo foi tao mau que o DCRainmaker era para fazer uma review em Abril e ainda nao a fez...
 
#60
Eu também não tenho urgência, também andava ai um power meter que ate fizeram um crowdfunding para começar o projecto mas nunca mais ouvi falar dele, sabem alguma coisa sobre o mesmo?