Novidades desta modalidade, as bikes (fotos)..

#3
bem, se é para comentar e dar opiniões sobre as fotos então cá vai a minha ;)

a bike da primeira foto acho horrível, já tinha comentado em outro tópico sobre este tema de travões de disco em bikes de estrada que pessoalmente não gosto da estética... pura e simplesmente só por causa disso :confused:

a segunda foto... adorei :D mas acho que este sistema de travagem é o tradicional, ou estou enganado???

peço desculpa aqueles que gostam desta nova implementação do travão de disco mas é a minha opinião lol

abraço
Pedro
 
#4
pedro,

Na segunda foto parece-me ser uma Colnago C50 e o sistema de travagem é normal.

A primeira foto, não será uma bike para ciclocross?!

O novo avanço WCS 260º é muito lindo, com um peso e preço excelentes! Estou a pensar seriamente!
 
#6
Pedro -
se é para comentar e dar opiniões sobre as fotos então cá vai a minha
A ideia da criação deste post será para poder colocar todas as news inerentes as bikes, material etc..
E claro comentar, criticar etc..

Parada - Exacto a 2ª foto é a Colnago, e as fotos da 1ª pag são de bikes de estrada mas com o sitema de travagem (disco)..
Aqui tens o site da marca - Volagi
 
#12
Era essa uma das coisas a que me referia... ou seja, há guiadores que não são compatíveis! Outra coisa é o tamanho dos parafusos que estão a usar, aquilo é o quê? Um M3? Não sei se não se dá cabo da cabeça num instante. Outro pormenor é a posição/inclinação dos parafusos que deve tornar o aperto dos parafusos inferiores uma tarefa bem difícil se por lá estiverem a passar cabos, deve ser bem fácil deixar saltar a chave e riscar facilmente o avanço (não são os avanços da Ritchey conhecidos pela facilidade com que se fazem riscos?).

E pensando bem na solução de ter 3 parafusos a apertar o tubo do espigão, com peças e curvas tão pequenas a tinta deve saltar bem rápido na zona dos furos... veremos, pode ser que esteja enganado :)

E não sei se repararam mas as instruções indicam aperto máximo de 5N.m mas o avanço em si tem escrito 4N.m de aperto máximo :D
 
#13
Sem duvida que esteticamente estão bonitos etccc, mas funcionalidade, zero!!!
Dá me a sensação que sempre que se procura inovar demais, perde-se o sentido mas basico das coisas, que é a simplicidade.. digo eu
 

duchene

Well-Known Member
#17
O regresso dos homens biónicos da Assos! A roupa feminina não colocas tu aqui... :D

Como sempre há pequenos acessórios muito apetecíveis mas a nível de preço são absolutamente estratosféricos... mesmo para a assos. É uma pena.

Os cobre sapatos de spandex já os tinha visto na castelli e, aparte do efeito "vou para um bar de strip", parecem-me muito interessantes. Não tanto pela chuva (evito) mas pelas capacidades como corta vento para os pés. Isto porque os cobre pés de neoprene que aqui tenho já ficam mesmo no limite de roçar no crenque. E por isso uma solução mais colada ao sapato era bem vinda, para os dias em que a simples lycra não resolve.
 
#18
duchene ontem após ter visto o manual dos novos avanços da Ritchey percebi porque falavas em mudar a fita... :)

Nunca imaginei que "regredissem" na forma de colocar um avanço, longe vão os tempos em que para trocar de avanço tinha de se retirar fitas!!!! :( Não foi, sem duvida, nesta alteração que o peso conseguiu ser reduzido!

Quanto à roupa da Assos acho-as estupidamente caras, mas reconheço a sua qualidade.

Abraço