Nova bicicleta de Estrada

Ganfas

Well-Known Member
#1
Boas pessoal,

Antes de mais aproveito para me apresentar. Sou o João Cravo, 31 anos de Lisboa tenho uma bicicleta velhinha da Decathlon (modelo Sport 7.3) que uso para fazer triatlo e para ir e vir para o trabalho diariamente, agora que está bom tempo.


Estou a pensar em trocar de bicicleta por algo mais recente, melhor que a actual (estava a pensar em comprar carbono e com shimano 105) e mais adequada ao meu tamanho. Para alem disso procuro uma bicicleta que seja confortável em treinos por volta dos 100Km e principalmente em triatlos desde Sprint a Longos tipo Half IronMan (90Km) em que teria a possibilidade de por uns extensores. Ou seja queria uma bike em que me sinta confortável no dia a dia e em que pondo os extensores consiga também uma posição relativamente confortável em provas mais longas.

O orçamento será a volta dos 1500€

Andei inicialmente a ver os modelos "Aero" das várias marcas, mas fica tudo muito acima do preço que eu queria dar. Como tal optei por olhar para os modelos de estrada e tenho andado mais fixado na Canyon Endurace 8.0 que, pela relação preço / componentes pareceu-me interessante.

O problema que estou a ver com a Canyon tem a ver com o tamanho. No sistema deles supostamente não há tamanho para mim. Ajustando um dos valores recomenda-me o XS, o que sinceramente parece-me curto (tenho 1,72 cm, 75 de "inseam", posso por todas as medidas depois se for preciso).

Fica aqui o post com a tentativa que me possam ajudar a encontrar a minha próxima companheira de provas e treinos :)

Obrigado
 

jpacheco

Well-Known Member
#2
Boas João

não te preocupes com o tamanho acho que irás ficar bem com o XS. Por esses valores vê as Felt que tem bastantes modelos aero, radon tem um, um bocadinho mais caro. Isto a pensar comprar online. Se fores em loja é as marcas do costume. Entra nas lojas e experimenta.

Se comprares decathlon novamente também não ficas mal servido. Tem uma boa fama em termos de garantia, que nestas situações para quem desembolsa quantias razoáveis é sempre uma segurança haver essa facilidade de suporte das marcas.

boa sorte.
 

MigC77

Well-Known Member
#3
Viva João,

Apesar de estares inclinado para uma bicicleta com um tipo de geometria diferente… Sem me querer estar a meter na tua vida e nas tuas escolhas, vou-te dar uma sugestão um pouco diferente que julgo que poderá ser melhor opção tendo em conta que pretendes participar em triatlos.

Por esse valor, eu compraria uma Cannondale CAAD12 com 105. Apesar de ser alumínio, é leve, é rápida e potencialmente até será melhor que muitas de carbono… Em alternativa por um preço superior mas ainda assim próximo tens em carbono a SuperSix Evo com Tiagra. Mesma geometria mas em carbono e com uma transmissão inferior que num futuro acabarás por ir renovando seja em que bicicleta for…

A razão da minha recomendação é simples… uma das minhas primeiras bicicletas de triatlo, foi uma CAAD 9 antes de comprar uma Cervelo P3. Foi com a CAAD9 que me iniciei nos triatlos, numa altura em que não quis investir muito porque não sabia se ia gostar e não queria estar a bicicleta que tinha para esse tipo de provas… Aquele receio que um gajo tem no inicio que alguém lhe leve a bicicleta da zona de transição ;)

Agora se entras nos triatlos sem grande espirito competitivo e queres realmente uma bicicleta com uma geometria mais confortável então esquece o que referi e vai para um modelo com uma geometria de endurance. Dentro desse género preferiria outras marcas em vez da Canyon mas isso já é contigo. Se quiseres ver os modelos que te referi, encontras em Lisboa várias lojas que vendem Cannondale e acredito que esses modelos não sejam difíceis de encontrar. Em termos de tamanho, que é o mais importante, julgo que deverias ir para um 48 ou no máximo um 50… mas se tiveres oportunidade não deixes de experimentar!

My 2cents
 

Ganfas

Well-Known Member
#4
Obrigado pelas opiniões até agora.

MigC77 o espírito competitivo que falas depende. Não sou atleta para ganhar sequer o meu grupo de idade, o ser competitivo acaba por ser comigo mesmo, numa óptica de melhorar o tempo. Mas se tiver de optar entre ter uma bicicleta que me permita ser, digamos 1 minuto mais rápido, ou uma bicicleta mais confortável, prefiro a mais confortável.

O que falas da transição realmente é algo que não tinha pensado muito, mas presumo que com uma bike nova seja mais um factor de preocupação :)
 

MigC77

Well-Known Member
#5
João, o conforto numa bicicleta é sempre relativo e acima de tudo também tem a ver com a condição física de cada um, nomeadamente a flexibilidade e capacidade da zona abdominal. Independentemente do tamanho da bicicleta ser adequado e esta estar “ajustada” ao ciclista, há modelos com geometrias que irão obrigar que o ciclista tenha uma posição mais agressiva que poderá ter menos capacidade para tolerar de forma prolongada.

Vou-te contar uma situação cómica mas real que aconteceu aqui há uns meses, quando fui à loja/oficina buscar uma Cannondale Synapse (modelo de endurance com uma geometria mais confortável) e estava lá um Sr. já com uns 60’s e com um porte muito pouco atlético a queixar-se duma lesão nas costas que o impedia de andar na sua bicicleta. O dono da loja vai buscar à zona da oficina a minha bicicleta e diz assim para o Sr:

- Precisavas era duma destas!
- Isso é uma bicicleta para velhos! Diz o Sr. em tom de brincadeira piscando-me o olho

Eu no meio daquilo tudo tentei manter a compostura, não me desmanchar e perguntei-lhe que bicicleta tinha. E qual não foi o meu espanto quando me referiu que tinha uma SuperSix… Sorri… disse: Boa bicicleta! E pensei para os meus botões que não me admirava que a bicicleta o partisse todo e ele não pudesse andar nela com frequência…

Acima de tudo deves isso em conta quando escolhes uma bicicleta. Deves ter a noção da tua real condição física, de qual vai ser o tipo de uso e de qual é o tipo de geometria que mais te convém. Dito isto também te devo dizer que nós por norma vamos sempre a tempo de melhor fisicamente de forma a podermos optar por modelos mais “agressivos”… agora o contrário já é mais complicado… o pedigree e o objectivo com que uma bicicleta foi desenhada é mais complicado de alterar.

São tudo elementos que deves ponderar na aquisição duma bicicleta, sobretudo se não estiveres na disposição de ter mais do que uma bicicleta para cobrir diferentes objectivos.
 

undernardo

Active Member
#6
Aquele receio que um gajo tem no inicio que alguém lhe leve a bicicleta da zona de transição ;)
Vou só fazer um desvio ao tema do tópico. Espero que o Ganfas não se importe.

Há uns meses atrás fui ver uma prova de triatlo (Sprint) e, como aficionado por bicicletas, posicionei-me na zona de transição para mirar as máquinas. Passou-me exactamente isso pela cabeça apesar do controlo que existia à volta da zona. Eis que do nada topo esta beldade e, muito por culpa do suspeito do costume :p, facilmente identifiquei de que quadro se tratava. Aqui sim! Aqui eu teria receio que ma levassem! :D :D

É isto.

 

pratoni

Well-Known Member
#7
Vou só fazer um desvio ao tema do tópico. Espero que o Ganfas não se importe.

Há uns meses atrás fui ver uma prova de triatlo (Sprint) e, como aficionado por bicicletas, posicionei-me na zona de transição para mirar as máquinas. Passou-me exactamente isso pela cabeça apesar do controlo que existia à volta da zona. Eis que do nada topo esta beldade e, muito por culpa do suspeito do costume :p, facilmente identifiquei de que quadro se tratava. Aqui sim! Aqui eu teria receio que ma levassem! :D :D

É isto.

Mas a Carolina agora anda a fazer triatlos? :p
 

Ganfas

Well-Known Member
#8
Em principio para tirar a bicicleta do Parque de Transição é preciso ter um dorsal com numero e esse numero tem de coincidir com o da bicicleta :)
 

Ganfas

Well-Known Member
#11
Como disse no inicio a "vantagem" da Canyon parecia-me ser o preço, mas o facto de ser comprada online (com o respectivo impacto no pos venda) e sem a possibilidade de experimentar foi algo que sempre identifiquei como uma desvantagem.

Com o que tenho lido por aqui nos ultimos tempos e alguns relatos (apesar de ter noção que é mais facil encontrar feedback negativo em foruns do que positivo) começo a ficar mais inclinado para comprar fisicamente numa loja e esperar por umas promoções... talvez com a saida dos modelos de 2017 os deste ano baixem.

MigC77, em relação às geometrias, tal como dizes tenho de experimentar umas e outras, mas à partida acho que modelos tipo endurace ia ser mais confortavel para mim. Mesmo melhorando fisicamente, normalmente quando ando de bike prefiro ir mais "direito" é muito raro ir numa posição mais agressiva. Até mesmo nos triatlos, mas isso também é por não estar confortavel nessa posição na minha actual bike.

Já agora que opinião têm das Boardman?
 

MigC77

Well-Known Member
#12
Não tenho opinião formada entre outras coisas porque nunca experimentei nenhuma… Sei aquilo que a maioria sabe… que é uma marca que tem o nome do Chris Boardman (ex-pro britânico)… Veem-se bastantes em provas de triatlo mas por acaso não conheci ninguém que tivesse uma…

O facto de ter recomendado a CAAD ou a Supersix foi por achar que poderia ser um bom compromisso entre uma bike de triatlo pura e dura (ou até uma aero) e uma bicicleta com que podes andar no dia a dia… e achar que eventualmente com a tua evolução a dada altura podes querer uma bicicleta mais orientada para a performance e sentir que uma de endurance não é bem aquilo que te satisfaz.

Mas lá está se queres uma bicicleta que não te obrigue a uma posição tão “deitada”, tens muitos modelos por onde escolher desde os de endurance e outros que apesar de não levarem esse rótulo tem uma geometria menos agressiva. Acima de tudo, quando escolheres, tenta sempre experimentar primeiro e vai para tamanhos “pequenos”.