Bikefit - Minha Experiencia (Novatos)

BrunoSilva

Active Member
#1
Venho aqui relatar a minha experiência com o bikefit e recomendar a todos os iniciantes a fazê-lo.

Como alguns devem saber, comprei uma bicicleta de estrada a pouco tempo e não tinha experiencia nenhuma na área. Como não tinha um orçamento muito grande, decidi estudar por mim próprio e tentar ajustar a bicicleta ao que lia pela ‘internet’.

Apesar de não me sentir desconfortável, sentia imenso peso nos ombros ao final das voltas, mas pensei ser falta de hábito.
Ao final de algumas voltas, comecei a sentir uma dor no lado exterior do joelho esquerdo. Decidi estudar mais um pouco, e descobri que tinha síndrome de fricção da banda iliotibial ao qual desconfiei logo que seria o meu fit na bicicleta.

Foi neste momento que decidi que não valia a pena colocar-me a tentar resolver o problema só por mim e procura ajuda profissional.
No meu caso, contactei o Tiago da Combativo (Barcelos) para marcar um bikefit e expliquei-lhe a situação.

Devido a dar no joelho, antes de iniciar qualquer teste pediu-me para ver os cleats, ao qual um deles tinha mudado de posição devido a mau aperto da minha parte, e está aqui a causa principal da dor no joelho. Mas ainda assim, não estavam na melhor posição para a minha fisionomia.
Depois lá sentei-me na bicicleta e comecei a fazer os testes, e andava sentado muito baixo, demasiado chegado atrás e com o guiador demasiado baixo.
Após vários ajustes e algumas horas de ele a explicar-me cada pormenor que ajustava lá cheguei a uma posição muito mais confortável para mim.
Apesar de ainda estar a recuperar do joelho, ele disse-me que podia dar voltas pequenas e sem grandes esforços e assim o fiz no dia seguinte. Foi uma diferença da noite para o dia, fiz uma volta sem esforçar, cheguei a casa sem dores nenhumas, nem cansaço nos ombros, lombar parecia que nem tinha andado de bicicleta e o joelho sem sentir dor nenhuma apesar de ainda estar a recuperar.

Também deu-me algumas dicas, como, por exemplo, baixar o calcanhar ao pedalar, pelos vistos ganhei o vício de o manter sempre em cima e sentar-me mais a frente no selim, sentava-me muito atrás sem razão aparente, visto que até me sinto mais confortável sentado ligeiramente mais a frente.

Também mencionou que talvez precise de um guidão mais largo (atual tem 42cm) porque tenho uma largura de ombros de 43cm. Testei um de 44cm que ele lá tinha e realmente senti-me mais estável. Por conselho dele devido ainda me estar a habituar, disse-me para andar mais e daqui a uns 3 meses lá voltar (sem custos adicionais) para voltar a ajustar a bicicleta porque certamente irei ter outra postura a andar e aí sim decidir se vale a pena trocar o guidão ou não visto que também poderá ser preciso trocar o avanço neste caso.

Após este testamento todo, vou deixar fotos do antes e depois e mais uma vez frisar que se não têm ideia certa do que estão a fazer ou alguém com experiência que vos ajude mais vale logo realizar o bikefit e evitar lesões futuras.

Antes:


Depois:


Boas Voltas a todos e espero ajudar quem esteja indeciso entre fazer o bikefit ou não.
 

Mendas

Well-Known Member
#2
Venho aqui relatar a minha experiência com o bikefit e recomendar a todos os iniciantes a fazê-lo.

Como alguns devem saber, comprei uma bicicleta de estrada a pouco tempo e não tinha experiencia nenhuma na área. Como não tinha um orçamento muito grande, decidi estudar por mim próprio e tentar ajustar a bicicleta ao que lia pela ‘internet’.

Apesar de não me sentir desconfortável, sentia imenso peso nos ombros ao final das voltas, mas pensei ser falta de hábito.
Ao final de algumas voltas, comecei a sentir uma dor no lado exterior do joelho esquerdo. Decidi estudar mais um pouco, e descobri que tinha síndrome de fricção da banda iliotibial ao qual desconfiei logo que seria o meu fit na bicicleta.

Foi neste momento que decidi que não valia a pena colocar-me a tentar resolver o problema só por mim e procura ajuda profissional.
No meu caso, contactei o Tiago da Combativo (Barcelos) para marcar um bikefit e expliquei-lhe a situação.

Devido a dar no joelho, antes de iniciar qualquer teste pediu-me para ver os cleats, ao qual um deles tinha mudado de posição devido a mau aperto da minha parte, e está aqui a causa principal da dor no joelho. Mas ainda assim, não estavam na melhor posição para a minha fisionomia.
Depois lá sentei-me na bicicleta e comecei a fazer os testes, e andava sentado muito baixo, demasiado chegado atrás e com o guiador demasiado baixo.
Após vários ajustes e algumas horas de ele a explicar-me cada pormenor que ajustava lá cheguei a uma posição muito mais confortável para mim.
Apesar de ainda estar a recuperar do joelho, ele disse-me que podia dar voltas pequenas e sem grandes esforços e assim o fiz no dia seguinte. Foi uma diferença da noite para o dia, fiz uma volta sem esforçar, cheguei a casa sem dores nenhumas, nem cansaço nos ombros, lombar parecia que nem tinha andado de bicicleta e o joelho sem sentir dor nenhuma apesar de ainda estar a recuperar.

Também deu-me algumas dicas, como, por exemplo, baixar o calcanhar ao pedalar, pelos vistos ganhei o vício de o manter sempre em cima e sentar-me mais a frente no selim, sentava-me muito atrás sem razão aparente, visto que até me sinto mais confortável sentado ligeiramente mais a frente.

Também mencionou que talvez precise de um guidão mais largo (atual tem 42cm) porque tenho uma largura de ombros de 43cm. Testei um de 44cm que ele lá tinha e realmente senti-me mais estável. Por conselho dele devido ainda me estar a habituar, disse-me para andar mais e daqui a uns 3 meses lá voltar (sem custos adicionais) para voltar a ajustar a bicicleta porque certamente irei ter outra postura a andar e aí sim decidir se vale a pena trocar o guidão ou não visto que também poderá ser preciso trocar o avanço neste caso.

Após este testamento todo, vou deixar fotos do antes e depois e mais uma vez frisar que se não têm ideia certa do que estão a fazer ou alguém com experiência que vos ajude mais vale logo realizar o bikefit e evitar lesões futuras.

Antes:


Depois:


Boas Voltas a todos e espero ajudar quem esteja indeciso entre fazer o bikefit ou não.
Thanks pela partilha,
Inicialmente, quando fizeste o teu próprio fit, como chegaste à altura do selim?
 

BrunoSilva

Active Member
#3
Thanks pela partilha,
Inicialmente, quando fizeste o teu próprio fit, como chegaste à altura do selim?
Encostei-me a uma parede e coloquei o calcanhar no pedal até ficar com a perna esticada e assim o fiz.
Como é óbvio devia ter percebido que não iria ser algo assim tão simples.
 
#10
Boa noite.
Após algum tempo o que tens a dizer? Melhorias significativas?
Boas Ricardo, sem dúvida que as voltas são bem mais confortáveis e sem dores.

Ainda não me dediquei a dar voltas muito maiores devido ao cleat ter rodado (o que me fez principalmente ir ao bikefit) e ter ganho uma lesão na parte lateral ou externa da coxa e joelho. Como ainda não lhe dei descanso como deve ser, está a demorar um pouco a recuperar.

Está semana vou tentar fazer gelo algumas vezes durante o dia a ver se recupera de vez.
 

Mendas

Well-Known Member
#11
Boas Ricardo, sem dúvida que as voltas são bem mais confortáveis e sem dores.

Ainda não me dediquei a dar voltas muito maiores devido ao cleat ter rodado (o que me fez principalmente ir ao bikefit) e ter ganho uma lesão na parte lateral ou externa da coxa e joelho. Como ainda não lhe dei descanso como deve ser, está a demorar um pouco a recuperar.

Está semana vou tentar fazer gelo algumas vezes durante o dia a ver se recupera de vez.
Síndrome do Trato da Banda Iliotibial ?
 

BrunoSilva

Active Member
#12
Síndrome do Trato da Banda Iliotibial ?
Penso exatamente que seja isso.
É algo que tive a ver demora o seu tempo a recuperar a 100% e como ainda não lhe dei descanso como deve ser, por vezes sinto uma espécie de pontada. Não é uma dor constante, é mais quando tenho de fazer algum movimento em que faça força lateral com o joelho.
 

Mendas

Well-Known Member
#13
Penso exatamente que seja isso.
É algo que tive a ver demora o seu tempo a recuperar a 100% e como ainda não lhe dei descanso como deve ser, por vezes sinto uma espécie de pontada. Não é uma dor constante, é mais quando tenho de fazer algum movimento em que faça força lateral com o joelho.
Tb estou a passar pelo mesmo, já à quase um ano.....mts alongamentos, ando com uma coxeira, estou melhor, mas parece não desaparecer por completo.

Que tens feito?
 

BrunoSilva

Active Member
#14
Tb estou a passar pelo mesmo, já à quase um ano.....mts alongamentos, ando com uma coxeira, estou melhor, mas parece não desaparecer por completo.

Que tens feito?
mas já fizeste algum bikefit ou alguma mudança?

Só comecei a fazer gelo ontem e já noto algumas diferenças, mas ainda não fui andar. Se dentro de 1 a 2 semanas não melhorar, vou procurar um fisioterapeuta ou osteopata para perceber o que fazer melhor.
 

BrunoSilva

Active Member
#18
Também já pensei nisso, mas li que tem de se ter cuidado para não aplicar ainda mais pressão no nervo.
Para já vou-me manter pelo gelo e tentar não abusar muito para ver se melhora.
Também sinto que os treinos no ginásio ajudam a fortalecer e a dor alivia ligeiramente.

e sim foam rolling para quem não está habituado é bem duro :D
 

antunesfilipee

Well-Known Member
#19
Também já pensei nisso, mas li que tem de se ter cuidado para não aplicar ainda mais pressão no nervo.
Para já vou-me manter pelo gelo e tentar não abusar muito para ver se melhora.
Também sinto que os treinos no ginásio ajudam a fortalecer e a dor alivia ligeiramente.

e sim foam rolling para quem não está habituado é bem duro :D
Eu não percebo nada de fisioterapia. E não quero que comecem a fazer nada pelo o que vou dizer... Mas olha que já fui a consultas de fisioterapia e o que me fizeram mais foi pressão nos tendões inflamados (que penso que é o caso aqui. Não são nervos...).
 

Mendas

Well-Known Member
#20
mas já fizeste algum bikefit ou alguma mudança?

Só comecei a fazer gelo ontem e já noto algumas diferenças, mas ainda não fui andar. Se dentro de 1 a 2 semanas não melhorar, vou procurar um fisioterapeuta ou osteopata para perceber o que fazer melhor.
Já fiz sim, mas numa outra bike que tinha, com esta ainda não-
Ando a tentar melhorar com alongamentos, algumas experiências em que subo/desço uns milímetros o selim, mas estou a ponderar fazer mais um bikefit.

Na altura consultei um médico de medicina desportiva e disse-me que era fundamental os alongamentos específicos para essa zona, bem como, tal como a carolina referiu, o foam roalling.