UCI WorldTour & ProSeries 2021

qwerAC

Well-Known Member
O que retiro desta vuelta é que o Bernal tem a obrigação de mostrar-se mais forte que o Roglic. Se não o fizer, como é que poderá sequer chegar perto do Pogacar no Tour? Tem todas as condições para vencer esta grande volta. Melhor preparação, melhor equipa, o grande rival há 1 mês estava a abandonar o Tour depois de andar 1 semana a penar devido a uma queda e ainda por cima foi aos jogos, não se preparando certamente para esta vuelta, pelo menos de forma conveniente.
Tirando o Roglic e o Bernal, só vejo o Carapaz capaz de vencer e mesmo assim acho que é uma possibilidade remota.
 

Cláudio

Well-Known Member
E o Pidcock ainda vai ser a surpresa. Ele sabe subir montanhas, ganhou o Baby Giro. Se a presença dele se resumir a gregário, seria uma tristeza.
Ele esteve bastante tempo a preparar o prova de cross country para os olímpicos, que ganhou. Duvido que não venha como gregário numa equipa destas. O líder terá de ser o Bernal, com o Carapaz à espreita
 

Cláudio

Well-Known Member
O que retiro desta vuelta é que o Bernal tem a obrigação de mostrar-se mais forte que o Roglic. Se não o fizer, como é que poderá sequer chegar perto do Pogacar no Tour? Tem todas as condições para vencer esta grande volta. Melhor preparação, melhor equipa, o grande rival há 1 mês estava a abandonar o Tour depois de andar 1 semana a penar devido a uma queda e ainda por cima foi aos jogos, não se preparando certamente para esta vuelta, pelo menos de forma conveniente.
Tirando o Roglic e o Bernal, só vejo o Carapaz capaz de vencer e mesmo assim acho que é uma possibilidade remota.
Como tem a obrigação de se mostrar mais forte tendo em conta que não é mais forte que o Roglic?
 
Como tem a obrigação de se mostrar mais forte tendo em conta que não é mais forte que o Roglic?
mas as condições em que o mesmo (bernal) vem para a prova leva a que qualquer adepto da modalidade pense dessa forma, neste caso o contexto é mais favoravel ao bernal ainda que em circunstancias normais nao seja muito superior ao roglic numa prova como a vuelta...
 

Cláudio

Well-Known Member
mas as condições em que o mesmo (bernal) vem para a prova leva a que qualquer adepto da modalidade pense dessa forma, neste caso o contexto é mais favoravel ao bernal ainda que em circunstancias normais nao seja muito superior ao roglic numa prova como a vuelta...
Entendo, mas tenho poucas dúvidas que meio Roglic arruma com um Bernal a 100%. Quem foram os adversários verdadeiramente fortes que ele teve no Tour e Giro que ganhou? Alaphilippe? Yates? O colombiano ainda não bateu de frente contra um papão numa grande volta
 
Entendo, mas tenho poucas dúvidas que meio Roglic arruma com um Bernal a 100%. Quem foram os adversários verdadeiramente fortes que ele teve no Tour e Giro que ganhou? Alaphilippe? Yates? O colombiano ainda não bateu de frente contra um papão numa grande volta
Eu tambem percebo esse ponto de vista mas a meu ver o bernal já provou que é homem a ter em conta para ganhar uma grande volta, e alem disso tem uma super equipa a seu lado... o que lhe vale de muito diga-se porque nao fosse o dani martinez no giro e nao tinha ganho da forma que ganhou e iria ter de sofrer até ao fim...
Quanto ao tour que ganhou, obviamente foi numa circunstancia especial, mas nao lhe tiro merito nenhum e nesse ano nao me pareceu que houvesse um ciclista claramente melhor que ele...

Quanto ao alaphillippe nao é um ciclista para ganhar uma prova de 3 semanas na minha opinião, consequentemente, nao compete na mesma liga que o bernal isto no que toca a ganhar uma grande volta claro..
 

Cláudio

Well-Known Member
Eu tambem percebo esse ponto de vista mas a meu ver o bernal já provou que é homem a ter em conta para ganhar uma grande volta, e alem disso tem uma super equipa a seu lado... o que lhe vale de muito diga-se porque nao fosse o dani martinez no giro e nao tinha ganho da forma que ganhou e iria ter de sofrer até ao fim...
Quanto ao tour que ganhou, obviamente foi numa circunstancia especial, mas nao lhe tiro merito nenhum e nesse ano nao me pareceu que houvesse um ciclista claramente melhor que ele...

Quanto ao alaphillippe nao é um ciclista para ganhar uma prova de 3 semanas na minha opinião, consequentemente, nao compete na mesma liga que o bernal isto no que toca a ganhar uma grande volta claro..
Claro que tem o todo o mérito em ter ganho essas voltas, longe de mim querer dizer isso. É um enorme ciclista! Só estou a dizer que não se tem deparado contra os eslovenos e não me parece que tenha algum hipótese com eles, para já.
Referi o Alaphilippe porque acabou por ser o concorrente pela camisola amarela, o que diz muito da competitividade desse Tour. Tens toda a razão quanto ao seu perfil de corredor
 

qwerAC

Well-Known Member
Entendo, mas tenho poucas dúvidas que meio Roglic arruma com um Bernal a 100%. Quem foram os adversários verdadeiramente fortes que ele teve no Tour e Giro que ganhou? Alaphilippe? Yates? O colombiano ainda não bateu de frente contra um papão numa grande volta
Eu concordo contigo. O Roglic é bastante superior ao Bernal na minha opinião mas para muita gente, o Bernal ainda é um dos tubarões das grandes voltas ao lado do Pogacar e do Roglic. Eu acho que o Roglic vai ganhar mas se o Bernal quer manter essa reputação para muita gente, tem de ganhar esta Vuelta.
 
Eu concordo contigo. O Roglic é bastante superior ao Bernal na minha opinião mas para muita gente, o Bernal ainda é um dos tubarões das grandes voltas ao lado do Pogacar e do Roglic. Eu acho que o Roglic vai ganhar mas se o Bernal quer manter essa reputação para muita gente, tem de ganhar esta Vuelta.
Há aqui uma coisa que posso nao estar a perceber bem... vamos por partes...

Entao um ciclista que ganha giro e tour nao deve ser considerado um tubarão? nao é candidato? é logo descartado para a vitoria?
pode eventualmente nao estar ao nivel de um pogacar ou de um roglic, principalmente no CRI (para mim nem cheira no CRI mas isso é minha opiniao), mas daí a nao ser considerado um tubarão no que toca a ganhar uma grande volta acho que é desvalorizar demasiado o bernal a meu ver...

Depois há o factor equipa... e eu pergunto... quantas grandes voltas nao perdeu o froome por ter uma equipa de outro nivel face a outros candidatos?

No entanto, concordo quando diz que o bernal precisa de vencer esta vuelta para nao ter pesadelos com eslovenos nos próximos anos....
 
Entendo, mas tenho poucas dúvidas que meio Roglic arruma com um Bernal a 100%. Quem foram os adversários verdadeiramente fortes que ele teve no Tour e Giro que ganhou? Alaphilippe? Yates? O colombiano ainda não bateu de frente contra um papão numa grande volta
@Cláudio "Entendo, mas tenho poucas dúvidas que meio Roglic arruma com um Bernal a 100%" à pouco nem perguntei....

mas isso é numa grande volta com 60...70km de CRI? mas montanhas nao me parece que seja assim tao facil...

acho eventualmente estará a desvalorizar demasiado o bernal a meu ver face ao roglic neste caso em concreto.
 

Cláudio

Well-Known Member
@Cláudio "Entendo, mas tenho poucas dúvidas que meio Roglic arruma com um Bernal a 100%" à pouco nem perguntei....

mas isso é numa grande volta com 60...70km de CRI? mas montanhas nao me parece que seja assim tao facil...

acho eventualmente estará a desvalorizar demasiado o bernal a meu ver face ao roglic neste caso em concreto.
O Roglic sobe extremamente bem, não é um trepador puro como o Bernal, mas é explosivo e consegue acompanhar mudanças de ritmo e até atacar quando menos se espera. Depois também consegue ser muito calculista e gerir tudo de forma perfeita. Do que se viu este ano no Giro, o Bernal também não estará assim tão forte na montanha como estava antes da lesão. Veremos a sua forma na Vuelta

Provavelmente a frase do meio Roglic foi exagerada, mas isto para dizer que para mim o super favorito é o esloveno. Tudo que não seja ele ganhar será uma surpresa para mim
 

Bruso

Well-Known Member
Nessa equipa da Ineos surpreende não levaram o Martinez mas tinham que encaixar o Yates, Sivakov e Pidcock.

O Pidcock só deve ir para disputar etapas. Não faz sentido ir com expectativas de top10 depois de ter passado meses a treinar para uma prova de 1h30. No Ciclismo atual não me chocaria se conseguisse o top10 (depois de ver o VAN Aert ganhar o que ganhou no Tour eu já acredito que tudo é possível). O Pidcock para gregario também não será muito útil. Gajo tem 50 kg e é um anão.

O Yates também acredito que tenha liberdade para disputar as etapas de montanhas. Ainda não vi o perfil das etapas mas se começar com um prólogo o Yates já vai arrumar logo 1min.

Entre o Bernal e o Carapaz, deverá ser a regra do costume. Fazem as subidas lado a lado e o último a resistir é o líder. O Carapaz gosta de atacar de longe portanto vão usar isso para desgastar a Jumbo.

Quem também leva uma excelente equipa é a Bahrain. Finalmente vamos ter o Padun num GT. Poels, Haig, Landa, Tratnik, Arashiro, Caruso e Mader.

A Ineos por mais que queira já não tem poder para fazer o que fazia nos tempos da Sky. Existem muito mais equipas bem apetrechadas.
 

Bernalve

Well-Known Member
O Bernal foi bastante consistente no Giro. E o Carapaz no Tour também o foi. Tiveram dias menos bons e outros melhores, mais por culpa dos adversários que tiveram melhores em algumas etapas. O CR é o problema com o Roglic em prova.

O Roglic esta época ainda não foi testado em etapas de montanha seguidas. Mas se conseguir replicar a forma do CR dos JO nestas 3 semanas da Vuelta, é o principal favorito.
 
O Pidcock nunca fez um GT.
Vai ter a sua primeira experiência, o mais provável é apontar a uma ou duas etapas e tentar ajudar a equipa nas etapas de sobe e desce sem alta montanha. E depois ter andamento para ir fazer uma "gracinha" nos mundiais.
 
Na Vuelta, pela lógica será Bernal e Carapaz vs Roglic, mas cuidado com a Bahrain.
Pelo que se tem visto a Bahrain tem equipa para dinamitar uma Vuelta com muita montanha e o Landa está num ano de pico.
Com um CR na ultima etapa, eles vão andar ao ataque, vai ser bonito de se ver.