Mais um ataque aos ciclistas !

#1
Mais um contributo para meterem as forças de seguranças mal formadas e capangas atrás dos ciclistas , quando deveriam andar atrás dos condutores de automóveis que todos os dias prejudicam a liberdade de circulação de um veículo sem motor .

São com estas campanhas tendentes e irracionais que tem contribuído em Portugal para fomentar a praga raivosa dos condutores sobre ciclistas .

Gostaria de ver desde a entrada do novo código da estrada , quantas multas a automobilistas por infringirem a lei em detrimento dos ciclistas .



Jornal I de 07/04/2017:mad:
 

pratoni

Well-Known Member
#2
Ui. Aquele último parágrafo então é a cereja no topo do bolo...

Será que vão colocar algo semelhante a alertar os automobilistas que têm de dar 1,5m de distância às bicicletas numa ultrapassagem?...

Não, pois não?....
 

GMQ

Well-Known Member
#3
Já era de esperar. Quero ver é se haverá igual tratamento. Malta é melhor começar a andar atento.
 

klaser

Well-Known Member
#4
Por um lado até é bom...assim os condutores ignorantes ficam a saber que os ciclistas também têm responsabilidades e não podem andar por aí a fazer tudo que lhes apetece sem acontecer nada...Uma das razões da "raiva" de alguns condutores é justamente achar que os ciclistas podem fazer o que quiser no trânsito ,enquanto eles não...
Mas concordo com o caráter meio sensacionalista deste banner nos meios de comunicação...
Se a polícia gosta tanto de faturar ,é só por um numa bike na estrada e um carro uns kms à frente, a cada tangente de menos de 1,5m passavam um rádio para a viatura, de 10 multavam 9......
 
#5
O problema é as associações ciclistas e federações estarem mais preocupadas em passeios e organização de eventos , sacando milhares de euros por anos ao pessoal , isentos de IVA , não passam fatura , comem por conta deles e vestem a família e depois estão-se borrifando para se juntarem e defenderem a dignidade de um ciclista andar na via pública . Se precisa de carta ou formação , raios que os partam , metam na lei e não abusem dos direitos da pessoas . Isto é , estou a ver um adolescente menor em que o pai lhe compra uma bike de uns milhares de euros e depois , sacam-na para vender em leilão para angariarem fundos para patuscadas .

 
#6
Eu concordo que existam este tipo de regras.

bike_evora: Não sei se conheces a realidade em Lisboa. Mas eu explico um pouco: a maioria (sim, arrisco escrever a maioria, mesmo sem ter dados científicos que suportem esta minha generalização) dos ciclistas em Lisboa não tem qualquer problema em criar as suas próprias regras. E também não tem qualquer problema em infringir umas quantas do código da estrada!

Vejo-o enquanto peão, ciclista, motociclista e automobilista. Não sou nenhum santo e eu próprio por vezes arrisco. São vícios antigos que ainda não consegui contrariar! Mas quando me apercebo do que fiz, sinto-me mal com isso e esforço-me para tenha sido a ultima vez.

Enquanto peão já ia sendo atropelado por ciclistas em passadeiras onde estava o verde para peões.
Enquanto automobilista, já ia atropelando um ciclista que decidiu ultrapassar-me pela direita quando eu era para sair da minha via para outra estrada. Nesse dia tomei menos atenção ao espelho... podia ter acontecido algo.
Enquanto ciclista já passei vermelhos na estrada, já passei na passadeira de peões sem desmontar e já andei em passeios, já quase atropelei uma criança que se largou da mãe. Felizmente nunca me aconteceu nada. Felizmente que não o faço há anos.

Todos nós erramos. Todos nós temos a tendência a facilitar. Todos nós quando avaliamos o risco, tipicamente não nos lembramos dos outros.

É bom haver regras. E como as regras não se cumprem se não existirem penalizações: sou a favor das mesmas.

A forma apresentada pode não ter sido a melhor. Provavelmente o que falha mesmo é a formação dos jovens. Ou a obrigatoriedade de uma licença semelhante à que era obrigatória para as motorizadas (que era tirada na câmara municipal). Passem essa responsabilidade para as escolas.

Desculpem o testamento, mas acredito mesmo que a mudança só acontece se começar em nós. Em nós como comunidade. Em nós como indivíduos. Enquanto a nossa energia for canalizada em queixumes em vez de pró-actividade em nos melhorarmos, nada vai mudar.

Boas pedaladas "respeitosas" por aí.
 

pratoni

Well-Known Member
#7
O problema é as associações ciclistas e federações estarem mais preocupadas em passeios e organização de eventos , sacando milhares de euros por anos ao pessoal , isentos de IVA , não passam fatura , comem por conta deles e vestem a família e depois estão-se borrifando para se juntarem e defenderem a dignidade de um ciclista andar na via pública . Se precisa de carta ou formação , raios que os partam , metam na lei e não abusem dos direitos da pessoas . Isto é , estou a ver um adolescente menor em que o pai lhe compra uma bike de uns milhares de euros e depois , sacam-na para vender em leilão para angariarem fundos para patuscadas .

Confesso que é raro, mas neste caso concordo em pleno com o bike_evora....

PS: Quanto à bicicleta não ficas sem ela, ela fica apreendida apenas pelo tempo que corresponderia à suspensão da carta...
 
#8
Mais um contributo para meterem as forças de seguranças mal formadas e capangas atrás dos ciclistas , quando deveriam andar atrás dos condutores de automóveis que todos os dias prejudicam a liberdade de circulação de um veículo sem motor .

São com estas campanhas tendentes e irracionais que tem contribuído em Portugal para fomentar a praga raivosa dos condutores sobre ciclistas .

Gostaria de ver desde a entrada do novo código da estrada , quantas multas a automobilistas por infringirem a lei em detrimento dos ciclistas .



Jornal I de 07/04/2017:mad:
Exactamente... e se se lembram do cartaz que andou a circular da GNR em que diziam ''ciclista - sabias que...'' mas o ''ciclista'' a conduzir é tratado como ''sr.condutor''
 

cou7inho

Active Member
#9
Pegando num tópico de regras e faltas de respeito da sociedade, será que alguém me poderia colocar aqui o link de alguma fonte fidedigna com os direitos e deveres dos ciclistas. Queria só ver um ou dois pormenores sobre o que diz a lei. Em dois ou tres sites que vi é tudo muito por alto. Digamos que gosto de saber do que falo caso algum dia me tenha de defender em alguma situação.
 

gfrmartins

Well-Known Member
#10
Pegando num tópico de regras e faltas de respeito da sociedade, será que alguém me poderia colocar aqui o link de alguma fonte fidedigna com os direitos e deveres dos ciclistas. Queria só ver um ou dois pormenores sobre o que diz a lei. Em dois ou tres sites que vi é tudo muito por alto. Digamos que gosto de saber do que falo caso algum dia me tenha de defender em alguma situação.
O Codigo da estrada?

https://www.bomcondutor.pt/biblioteca/codigo-estrada

Por exemplo Capítulo II — Disposições especiais para motociclos, ciclomotores e velocípedes
 
#14
O que ?? Não pode! Eu também já vi a andar em estradas que não é permitida a circulação de bicicletas agr numa autoestrada. Ai meu Deus
Há umas semanas estava na 2ªCircular junto às torres de Lisboa à espera do autocarro...Nisto vêm um rapaz com um caixote da Uber Eats às costas, vindo da Estrada da Luz, montado numa Gira, passa tranquilamente à frente da paragem e entra...No Eixo Norte-Sul a caminho de Sete Rios. Isto há malta pra quem vale tudo... :cool:

Mas na A5...Upa upa. Ao menos tem berma larga. :p